5 de M12, 2018
André Coelho
Founder e Personal Trainer na Box HD training, em Braga, onde procura sempre desafiar os seus alunos. Tem 30 anos e adora viajar e conviver com os amigos.
Natural de
Braga
Idade
30
Altura
1,88 m
Peso
86 kg
Quando é que começaste a ter cuidado com a tua forma física e o que te levou a começar a treinar?
Desde que me lembro, sempre fui bastante ativo. A atividade física vai sempre muito além das modalidades organizadas e/ou dos cuidados com a estética e forma física. Os meus hobbies de infância sempre foram andar de bicicleta, jogar futebol, brincar à “caçadinha”, ou outras brincadeiras similares. Inconscientemente, assim comecei a praticar atividade física regular.

No que toca a modalidades, pratiquei durante dez anos natação e, posteriormente, andebol, onde joguei no ABC, nos escalões de iniciados, juvenis e juniores. Neste grande clube, somei uns quantos títulos de Campeão Nacional e uma Taça de Portugal ao currículo. Nestas idades, o papel dos pais é fundamental. Os meus pais sempre me incentivaram a praticar desporto, e desdobraram-se como conseguiam para que conseguisse ir aos treinos e às competições.

Numa altura em que o sedentarismo e obesidade infantil é cada vez maior, com todas as novas tecnologias e jogos eletrónicos, aliados à insegurança das brincadeiras de rua, o papel dos educadores assume uma maior importância. Adquirir hábitos de vida ativa, desde jovem, é um princípio para vir a ter uma vida mais saudável e prevenir que as crianças se tornem em adultos sedentários, pois é muito mais fácil criar hábitos em pequeno do que depois em adulto.
E atualmente, o que te motiva a treinar?
Treinar é uma parte integrante do meu dia. É, simplesmente, a melhor parte do dia. Quando chegas a um ponto em que treinar faz parte da tua rotina, o difícil é cumprir os rest days e aguentar ficar um ou dois dias por semana sem treinar.

Treinar é o que mais gosto de fazer. Gosto de testar os meus limites e superar-me a cada treino. Não gosto de pensar no treino do ponto de vista estético, mas sim da performance. Tento definir pequenos objetivos de treino, que sejam mensuráveis, realistas e atingíveis (de acordo com o tempo que tenho para treinar), para me manter focado.

Gosto de avaliar os meus resultados, sentir a minha condição física a melhorar, melhorar os meus levantamentos ou habilidades técnicas mais complexas da ginástica como movimentos nas argolas, estrutura ou em pino. Pontualmente, procuro participar em competições de Crossfit. É uma forma de me manter focado para treinar e me testar. Tento sempre tirar aprendizagens de cada treino e conseguir fazer o transporte para a minha vida profissional e para os treinos dos meus alunos.
Como é um dia típico para ti?
O meu dia começa por volta das 8h30. Gosto de acordar com antecedência para tomar um bom pequeno-almoço e preparar as minhas refeições para o dia. Com a minha profissão é bastante difícil ter uma agenda fixa, portanto os dias são praticamente todos diferentes e eu tento organizar-me da melhor maneira, para ter tempo de treinar. Entre programar treinos, fazer toda a gestão do meu espaço e dar as aulas, tento guardar sempre tempo para treinar. O final da tarde é a altura do dia onde tenho mais trabalho e só por volta das 21h30 é hora para ir para casa, jantar e relaxar um pouco.
Como é o teu estilo de treino semanal?
Normalmente, o meu treino diário dura 1h30 e divide-se em duas partes. Começo sempre o treino com weightlifting ou treino de força e termino com o chamado WOD (workout of the day) ou parte principal do treino.

Deixei, já há algum tempo, de programar os meus próprios treinos, seguindo assim a programação de outros profissionais da área. Acredito que ninguém é bom treinador de si próprio. Quando planeava os meus treinos, dava por mim a treinar, constantemente, os meus exercícios preferidos e sem fugir muito da minha zona de conforto, deixando de parte o que, realmente, mais necessitava de treinar. Este é um princípio para encalhar e não sentir evolução. Tento sempre passar estas ideias para os meus alunos, mostrando-lhes que só o que os desafia, lhes trará benefícios futuros.

Quanto à periodicidade semanal, devido à alta intensidade dos treinos, tento fazer dois rest days semanais. Idealmente, descanso às quintas-feiras e domingos.
Quais são os teus hábitos alimentares?
Uma alimentação saudável é a base para o organismo funcionar de forma equilibrada e para qualquer programa de treino funcionar, independentemente dos nossos objetivos. No meu caso, tento seguir uma dieta hiperproteica, programada e pensada para que me sinta bem e com energia, no dia-a-dia. Apesar de ter alguns conhecimentos de base na área da nutrição, devido às pesquisas constantes, por curiosidade e concretização pessoal, procuro, frequentemente, ajuda com um nutricionista credenciado. Juntos elaboramos planos adequados ao meu estilo de vida e disponibilidade para refeições. Dependendo do objetivo do momento, definimos o meu target calórico diário e, com base nesse target, elaboramos o meu plano.

Dos três macronutrientes, a proteína é a mais preponderante, assumindo 40% da minha ingestão calórica diária. Tento sempre bater as 2,2g/kg corporal diário. Tento ir buscar proteínas,principalmente, à carne, peixe, ovos e laticínios. Dos restantes 60%, atualmente aposto em 40% hidratos (aveia, fruta, massa integral, arroz ou batata doce) e 20% gorduras (frutos secos, Ómega 3). É desta forma que me sinto melhor para abordar cada treino.

Aconselho sempre a procurarem um profissional da área e que realmente vos possa ajudar. Não adianta nada fazer um treino com um desgaste calórico muito elevado, se por trás não estiver uma dieta condizente que nos leve a emagrecer, caso seja o objetivo. A quantidade e qualidade do "combustível" que ingerimos vai revelar-se preponderante nos resultados conseguidos.
Que influência tem o treino na tua vida?
Para mim, o treino é a forma mais divertida de levar uma vida mais saudável e menos stressante. Poder influenciar e proporcionar ganhos de saúde e bem estar diário aos meus alunos é para mim um privilégio e é essa a minha luta. Gostava que as pessoas treinassem mais com a consciência do bem que estão a fazer a si próprios, promovendo condições para terem uma vida mais longínqua e saudável, ao invés de só pensarem no aspeto estético.
Que música ouves enquanto treinas?
Se soubesses o que sabes hoje, terias feito alguma coisa diferente?
Quem não olha para trás e pensa, com o conhecimento que tem hoje, que poderia ter feito algo diferente? A vida é feita de ciclos e uns encerram-se enquanto outros se iniciam. Gostava de saber o que sei hoje, ter esta mentalidade e vontade constante de aprender noutras fases da minha vida. Não me lamento pela forma como fiz as coisas, mas poderia ter aproveitado bem mais a minha vida desportiva (passagem pela natação/andebol), bem como teria aproveitado para aprofundar e aprender ainda mais com todos os professores e formadores que fui apanhando durante a minha formação/licenciatura/mestrado.
Algum conselho para quem esteja a começar?
Não pode haver desculpas. Aprendam a gerir o vosso tempo e comecem a treinar. É fundamental pensarem na vossa saúde e colocá-la como a vossa prioridade. Existem mil e uma maneiras de se porem a mexer e existem atividades para todos os gostos. Treinar tem que fazer parte do dia-a-dia, durante todo o ano, tal como dormir, comer ou trabalhar. Encontrem um local onde se sintam bem a treinar, com um ambiente que vos seja familiar. Grande parte das pessoas, desiste de treinar ao segundo ou terceiro mês. Simplesmente porque não criam hábitos e não incluem o treino nas suas rotinas diárias. Aconselho sempre que definam uma meta de treinos semanais (3 ou mais treinos) e cumpram, religiosamente, durante os primeiros dois/três meses. No final deste período, o treino tem que fazer parte das vossas rotinas.😉

É preciso dar tempo ao tempo, acreditar no processo e não se pesar constantemente. O peso é apenas um número e pode ser enganador. Pesar com muita frequência só vai aumentar os níveis de ansiedade, o que pode fazer com que desmotive.
Se só pudesses escolher um qual seria?
Treino
Annie (benchmark crossfit workout)
Desporto/Modalidade
Treino funcional
Exercício
Double Unders
Snack saudável
Iogurte
Suplemento
Whey Protein
Cheat Meal
Pizza 🍕
Alguma coisa que queiras promover?
Sigam a nossa página @hd_training no Instagram. É um projecto com 5 anos, no qual sou Founder e Personal Trainer. É uma box de treino acompanhado, no centro de Braga. É ideal para quem procura treinar com orientação, motivação e dinâmica.
Partilha esta entrevista
Mais entrevistas 👇
21 de M05, 19
Ana Matias
Arquiteta de 39 anos, do Porto. Autora do blog “My Paleo Life” onde partilha os seus treinos, rotinas e uma alimentação seguindo a dieta paleo.
14 de M11, 18
Diana Souza
Desde criança que uma das suas paixões é o desporto, juntam-se agora a fotografia, ilustração, cinema, dançar e viajar. É Designer Gráfica Freelancer, natural do Porto e reside em…
24 de M10, 18
Diana Brites
Apresentadora, estudante de comunicação na Escola Superior de Comunicação Social de Lisboa, é natural de Parede e reside em Alcabideche. Gosta de treinar a sua cadela, Leia Organa…
Recebe em primeiro lugar entrevistas como esta com Weza Silva.
Recebe em primeiro lugar as novas entrevistas e novidades.
Inscreve-me