Treinar nunca foi tão fácil! Descobre mais de 100 espaços fitness com o Gymious.Ver mais.
15 de Novembro, 2021
Tiago Leite
Desde muito cedo estou ligado ao desporto, adoro treinar musculação, jogar padel, ir à praia fazer surf ou bodyboard. Promover a atividade física é algo que me deixa extremamente feliz.
Natural de
Braga
Idade
30
Altura
1,70 m
Peso
65 kg
Quando é que começaste a ter cuidado com a tua forma física e o que te levou a começar a treinar?
Costumo dizer que a atividade física nasceu comigo, sempre fui muito ativo. A minha modalidade de eleição sempre foi o futebol, apesar de ter experienciado atividades como o badminton, andebol, voleibol, atletismo, … Ultimamente, limito-me à prática de padel e musculação.

Aos 9 anos ingressei no futebol e lá permaneci até aos 25 anos como federado. Até aos 15/16 anos alimentei o sonho de ser atleta profissional, momento em que desço à realidade e percebo que muito dificilmente iria a acontecer. Neste momento o futebol passa para 2ª prioridade e começo a focar-me mais nos estudos e na minha formação que, obviamente, tinha de estar ligada ao desporto. E surge o meu segundo sonho: ser professor de Educação Física.

Aos 22 anos, ingressei numa licenciatura em Educação Física e Desporto e, durante o estágio profissional, surge o gosto pelo fitness. Confesso que sempre fui muito vaidoso e preocupado com o meu bem-estar físico e, foi nessa altura, que o ginásio passou a ser um “vício”, pois conciliava os treinos de futebol com a musculação. Para além de atleta de futebol, também fui treinador de futebol de formação até aos 26 anos. Algo que sofreu uma interrupção, devido à escassez de tempo e de impossibilidade de conciliar com o ginásio.

Após a licenciatura, dei continuidade aos estudos e fiz o mestrado em ensino de Educação Física nos ensinos Básico e Secundário. Fim destes cinco anos de formação, e início a minha carreira profissional como professor de Educação Física e Personal Trainer em regime de outdoor. Atualmente, para além de professor de Educação Física, sou Personal Trainer e dou aulas de alta intensidade no clube de saúde Kalorias.
E atualmente, o que te motiva a treinar?
O treino para mim é muito mais do que uma questão física. Quando falamos de atividade física devemos relaciona-la com saúde, bem-estar psicológico, ganhamos qualidade de vida a todos os níveis.

Sou apologista que nós da área, devemos liderar pelo exemplo e, como tal, gosto de estar bem comigo mesmo e de passar aos meus atletas energia, fazê-los acreditar que o nosso objetivo é possível de ser alcançado se o nosso foco se mantiver. O segredo está na regularidade e continuidade.

Faço por treinar todos os dias, mas cinco pelo menos é certo e, no dia em que não treino, fico “fulo” comigo mesmo, pois adoro fazê-lo e mentalmente para quem passa um dia no ginásio a dar treinos, podem ter a certeza que faz diferença. No dia em que não faço musculação, procuro fazer outro tipo de atividade, como o padel.
Como é um dia típico para ti?
Quem me conhece sabe bem do quão feliz acordo por ter o prazer de fazer aquilo que realmente gosto. Sou apologista da frase “Do what you love and never work a day in your life”.

Os meus dias iniciam maioritariamente às 6h da manhã com duche e a preparação de um bom pequeno-almoço. Começo a dar treinos personalizados às 7h, até às 13h. Aproveito para treinar das 13h às 14h, depois almoço e recomeço as sessões de treino personalizado e aulas de grupo das 15h às 21h-22h. Portanto o meu jantar varia muito em função do prolongamento do trabalho, tanto pode ser às 19h como às 21h.

Sendo personal trainer, trabalho muito por agenda, portanto, sempre que tenho 1h ou 2h livres durante a tarde, procuro estar com os meus amigos, apanhar sol (no Verão), rever conteúdos, replanear treinos do dia seguinte, …

Por norma, deito-me quase sempre pela meia-noite e agradeço pela oportunidade de fazer aquilo que amo mais um dia
Como é o teu estilo de treino semanal?
Atualmente faço treinos de musculação ou de alta intensidade consoante os meus objetivos mais específicos e aquilo que o meu psicológico necessita. Costumo fazer 1 ou 2 grupos musculares por dia, com uma duração de 45 a 60 minutos.

Numa semana normal subdivido o treino da seguinte forma:
  • 2f peitoral, deltoide anterior e lateral;
  • 3f costas, deltoide posterior e trapézio;
  • 4f pernas (+anterior)
  • 5f um treino mais cardiovascular (padel, por exemplo);
  • 6f peitoral, bíceps e tríceps
  • sábado pernas (+posterior e glúteo) e ombros
  • domingo um cardio mais leve, como uma ida ao Bom Jesus ou um jogo de padel.
Por norma, faço 3-4 sets e não tenho um número fixo de repetições, importa sentir que estamos a trabalhar o músculo e adaptar sempre a carga à execução correta do exercício. Outra frase que gosto e utilizo muito é “Treina o músculo e não o ego”.

Esta hora de treino muscular faço-a no clube de saúde onde trabalho, Kalorias, estrategicamente faço-a na hora do almoço, pois existe menos movimentação e esta hora gosto de a dedicar exclusivamente a mim, gosto de estar no meu mundo.
Quais são os teus hábitos alimentares?
Relativamente aos meus hábitos alimentares sou muito metódico e cuidadoso, pois tenho a plena noção da sua influência a longo prazo, no que diz respeito à saúde. Para além de que o nosso corpo é, em certa forma, fruto daquilo que ingerimos. Confesso que sou super extremista e, por vezes, tenho amigos que até fazem um certo “bullying” com o facto de eu nunca comer francesinhas, fritos, beber refrigerantes, álcool … No entanto, não é uma ou duas refeições mais calóricas por semana que terão repercussões na vossa saúde ou físico. Eu não o faço porque não sinto necessidade, costumo dizer que somos nós quem criamos a nossa rotina.

Faço 6 a 8 refeições por dia. Ao pequeno-almoço vario entre:
  • Panquecas de aveia + fruta
  • Papas de aveia + fruta
  • Tostas com abacate + ovos mexidos, cozidos ou escalfados
  • Crepioca + fruta
Durante a manhã:
  • Pão com atum
  • Panquecas
  • Fruta
  • Iogurte kvarg ou Yopro
  • Frutos secos
Pré-treino:
  • Panquecas
  • pão com atum
  • whey proteína
Almoço:
  • Sopa
  • Arroz, massa ou batata-doce
  • carnes brancas/peixe (preferencialmente salmão, atum)
  • Fruta
Durante a tarde:
  • Vou alternando com o que mencionei da parte da manhã.
Jantar:
  • Sopa
  • Arroz, massa ou batata-doce
  • carnes brancas (preferencialmente) /peixe (salmão, atum)
  • Fruta
Ceia:
  • queijo fresco ou gelatina (maioritariamente).
Procuro ingerir entre 2L a 3L de água por dia.
Que influência tem o treino na tua vida?
Sou um promotor da atividade física nato, não só por ser a minha área de formação, mas também pelos inúmeros benefícios comprovados cientificamente na nossa saúde. Estamos a falar de um dos melhores “medicamentos” de prevenção para inúmeras doenças.

Façam o favor de influenciar todas as pessoas a praticar atividade física, principalmente os mais novos, pois se olharmos para as percentagens de sedentarismo e obesidade em Portugal, deparamo-nos com algo assustador. E pais, vocês podem e devem influenciar os vossos filhos, pois os hábitos futuros deles dependem essencialmente de vocês.

O desporto em mim é muito mais que uma paixão, o que para muitos é um sacrifício, para mim é um prazer. Provoca-me uma sensação de bem-estar físico e mental. Incute valores como entreajuda, persistência, humildade, disciplina, regras, entre outros. Gosto de liderar pelo exemplo.
Se soubesses o que sabes hoje, terias feito alguma coisa diferente?
Sinceramente, óbvio que já me ocorreu aquele pensamento de “se soubesse tinha feito antes desta forma”, no entanto, estou convicto de que todas as minhas ações, acertadas ou erradas, serviram de aprendizagem. Tudo o que sou hoje devo-o aos meus pais, por estarem sempre lá e me demonstrarem que o caminho nem sempre é a vitória, quando erramos ou perdemos, temos de saber lidar e superar para voltarmos ainda mais fortes.
Algum conselho para quem esteja a começar?
Para quem está a começar é importante manter os valores que mencionei acima, em qualquer que seja a modalidade ou profissão, pois acredito que um dia isso nos levará mais longe. Procurem evoluir, quando notarem que estão a estagnar, então é porque está na hora de mudar, é preciso superação.

Valorizem-se mais, nada deve ser mais prioritário do que a vossa própria vida, portanto se querem mudar, façam-no por vocês e não por X ou Y. Não tenham vergonha de procurar um profissional da área para vos ajudar, pois é a pessoa mais qualificada para o fazer, tal como quando estás doente recorres a um médico ou quando te doí um dente vais ao dentista. Se te doí as costas, se queres emagrecer, se queres ganhar massa muscular, se queres melhorar a tua postura, recorre a um profissional de atividade física.

Mas de uma coisa não duvides, a iniciativa tem de ser tua, mexe-te, sedentarismo não é a solução. Finalizo com uma frase que me carateriza: “your only limit is you”.
Onde é que te podemos encontrar?
Através do meu instagram @tiagoleitept, onde faço partilhas de treinos e reflexões sobre esta área do fitness.
O meu facebook (https://www.facebook.com/tiagoleite.EFD).
Podem-me contatar via email: tiagoffl10@gmail.com.
E como espaço físico, podem encontrar-me no clube de saúde Kalorias, em Braga, no Nova Arcada, piso 2.
Se só pudesses escolher um qual seria?
Treino
Ombros
Desporto/Modalidade
Padel
Exercício
Press Arnold
Snack saudável
Panquecas
Suplemento
Whey protein
Cheat Meal
Pizza 🍕
Partilha esta entrevista
Mais entrevistas 👇