14 de M11, 2018
Diana Souza
Desde criança que uma das suas paixões é o desporto, juntam-se agora a fotografia, ilustração, cinema, dançar e viajar. É Designer Gráfica Freelancer, natural do Porto e reside em Santa Maria da Feira.
Natural de
Porto
Idade
31
Altura
1,65 m
Peso
55 kg
Quando é que começaste a ter cuidado com a tua forma física e o que te levou a começar a treinar?
Faço desporto desde que me lembro! Desde criança que a minha mãe me incentivou a fazer desporto, e tenho a certeza absoluta que isso moldou o meu corpo e a minha mente até aos dias de hoje. Hoje não consigo estar mais do que 2 dias sem fazer exercício físico, vai muito mais além do que exercitar o corpo, faz parte de mim e isso agradeço à minha mãe!

Passei pela ginástica rítmica, pelas danças (aeróbicas, hip-hop…), pelas artes marciais (Viet-Vo-Dao), pela natação (muitos anos), pelo voleibol. Na adolescência sempre me inscrevi nos desportos escolares, sempre participei nos eventos desportivos da minha zona e escolas. Por volta dos 17/18 anos, comecei a frequentar as aulas de grupo do ginásio, fazia todas as aulas de grupo: Body Pump, Body Combat, Step, aeróbicas. Nessa altura fazer musculação era aborrecido para mim.

Em suma, posso dizer que desde sempre tive cuidado com a minha forma física, aliás, inconscientemente (devido a exercitar-me desde sempre), foi algo que foi surgindo naturalmente. E, mais uma vez, agradeço à minha mãe a genética e a alimentação que me foi dando ao longo da minha vida (sempre muito saudável - e claro que comia muitos doces também!).
E atualmente, o que te motiva a treinar?
Treinar para mim é muito mais do que o físico, faz parte da minha rotina e faz-me tão bem à mente, para descontrair do stress diário! O meu objetivo nunca foi ficar com um corpo “de homem”, com pernas e braços maiores do que o meu namorado! O meu objetivo será sempre ter um corpo feminino, com curvas e linhas femininas, com uma boa perna e um bom rabo (firmes, mas sem musculatura exagerada).

Há um ano para cá, fazia aulas de grupo, mas senti que necessitava de mudar o meu tipo de treino. Tenho tendência a emagrecer (fazia muito cardio na altura) e, por isso, iniciei os treinos de musculação e amo os resultados! Consegui o que queria: aumento e mais definição de perna e glúteo! Alterei também a minha alimentação, para alimentos mais ricos em proteína. Posso dizer que com 31 anos (a minha idade atual) estou com o corpo que sempre quis e lutei!
Como é um dia típico para ti?
Atualmente, o meu dia começa por volta das 8 da manhã. Levanto-me, bebo um copo de água logo quando acordo (talvez seja vício), visto a roupa de treino, tomo o pequeno-almoço e saio para treinar. Aprendi a gostar de treinar cedo e agora adoro!

Depois, a meio da manhã, começo o trabalho. Sou Designer Gráfica Freelancer, com uma carteira de clientes fixa, portanto tenho alguma liberdade de horário. Contudo, tenho de estar sempre atenta ao telemóvel e e-mail… Tem dias que tenho de sair a correr dos treinos para conseguir fazer alterações aos trabalhos, etc.

Não tenho uma rotina fixa depois de jantar. Geralmente, fico a trabalhar, a adiantar alguns projetos que tenha para o dia seguinte e tento sempre deitar-me e acordar à mesma hora. Gosto de dormir as 8 horas diárias - é muito importante!
Como é o teu estilo de treino semanal?
Neste momento, faço musculação/hipertrofia. Os meus treinos preferidos são os treinos de perna e glúteo. Treino 5 dias por semana: 2 vezes treino de perna; 2 vezes braços e abdominais; 1 vez treino de glúteo isolado. Treino na Academia do Rosa no Porto e, geralmente, os meus treinos duram 1h30.
Quais são os teus hábitos alimentares?
Tenho cuidados com a minha alimentação - a alimentação é 70% do resultado! Como de tudo desde fibras, hidratos e proteína. A minha comida leva muito pouco sal e nunca tem molhos. É muito raro comer fritos. Claro que como chocolates e outro tipo de comida que não é saudável, mas se hoje comer menos saudável, nos dias a seguir continuo a boa alimentação.

Gosto de comer sempre à mesma hora, e tento comer de 3 em 3 horas (o que nem sempre é possível).
  • No pequeno almoço, como iogurte com alto teor em proteína com fibras, banana e ovos. Ou então papa de arroz com whey e banana.
  • A meio da manhã, depois do treino, tomo um pós-treino (whey isolada).
  • O meu almoço inclui sempre sopa (com vegetais da época) e a refeição principal (carnes brancas grelhadas ou peixe cozido com hidratos - arroz, massa ou batata). Gosto de comer fruta da época também.
  • A meio da tarde, como pão com atum, ovos mexidos, nozes (adoro!), fruta e/ou papa de arroz com whey.
  • Ao jantar, como sopa de vegetais, carne/peixe (grelhados ou cozidos) e hidratos.
Que influência tem o treino na tua vida?
O treino, como já referi, faz parte da minha rotina. Faz parte de mim, tal como faz parte comer e dormir, por exemplo! Quem me tira o exercício físico, na realidade tira-me parte da minha essência. Parece exagerado, mas tentem imaginar retirar alguma coisa que sempre fez parte da vossa rotina, desde que se conhecem, e que vos faz sentir tão bem física e psicologicamente! Se não treino fico logo mais ansiosa, stressada, triste, desmotivada… e isso reflete-se, claro, na qualidade do meu trabalho, no relacionamento com os outros, na forma como me vejo, para não falar na saúde...

Claro que há dias em que a vontade de ir treinar é zero, mas no final de cada treino, sinto que rejuvenesci uns 30 anos e eu acredito mesmo nisso! E acho até que todas as entidades patronais deveriam pagar ginásio aos funcionários ou, pelo menos, incentivar em termos de horários para tal!
Que música ouves enquanto treinas?
Se soubesses o que sabes hoje, terias feito alguma coisa diferente?
Não, teria feito exatamente a mesma coisa! Talvez possa aconselhar os pais/mães a incentivar os filhos a praticar exercício físico desde crianças (com desporto adequado a cada idade e momento da vida), assim como manter uma alimentação saudável. Penso que isso irá ajudar na idade adulta, pois esses hábitos saudáveis entrarão na vida de uma forma natural e fará sempre parte da rotina diária. Para além de que o corpo se irá desenvolver de uma forma mais rápida e bonita (tanto homens como mulheres).
Algum conselho para quem esteja a começar?
Cada pessoa terá de arranjar uma forma para incluir o treino na rotina, infelizmente não há uma poção mágica para isso. Mas acho que devemos pensar que é para o nosso bem-estar, físico e mental! Afinal de contas, tirar 1h30 por dia para treinar não é assim tanto tempo. Quanto tempo perdem em coisas que não são benéficas para vocês e para a vossa saúde?

Não desistam nas primeiras semanas! As primeiras semanas/dias são sempre os piores, mas depois os resultados começam a aparecer e a motivação será cada vez maior e, nessa altura, o facto de não irem treinar já vos pesará! Ouçam músicas que gostem e que vos motivem enquanto treinam. No treino estejam focados e pensem nos músculos que estão a trabalhar.
Se só pudesses escolher um qual seria?
Treino
Musculação/Hipertrofia
Desporto/Modalidade
Musculação
Exercício
Agachamento com barra
Snack saudável
Nozes
Suplemento
100% Real Whey Isolate (morango)
Cheat Meal
Pizza 🍕
Alguma coisa que queiras promover?
Sou Designer Gráfica e quem tiver interesse ou pretender algum projeto/trabalho de design pode aceder ao meu site, www.bydianasouza.com, e instagram de trabalho, @bydianasouza. Também estou com um projeto ligado à área fitness, ainda numa fase muito inicial que, por enquanto, não posso revelar.
Partilha esta entrevista
Mais entrevistas 👇
12 de M03, 19
Inês Rodrigues
É fotógrafa e cabin crew, mas também adora ginásio e a área da psicologia. Nas redes sociais e no seu trabalho como coach incentiva diariamente todos a trabalharem pelos seus…
17 de M10, 18
Gonçalo Cardoso
Empreendedor, natural de Braga. Co-fundador da Blue Avenue, marca portuguesa de calções de banho, e fundador da Bullitt Garage, estúdio de edição de motas e carros vintage.
12 de M02, 19
Maggy Santos
Adora correr e é hiperativa por natureza. Já fez 3 meias maratonas e vai a caminho da quarta. É autora do blog Operação o ano inteiro. Tem 26 anos e é de Lisboa.